Por que abrir uma empresa na Espanha?

 

Porque abrir empresa Espanha? A Espanha possui uma das economias mais robustas da UE, graças ao investimento estrangeiro potente, um campo industrial em expansão e um envolvente liberal.

A Espanha possui uma merecida reputação como um lugar de proveiroso para investidores estrangeiros, porém as exigências burocráticas são rígidas.

Porque abrir uma companhia na Espanha.

Quais são classes mais comuns de empresa na Espanha?
Sociedad Anónima (SA.)
Sociedad Limitada (SL.)

abrir-empresa-na-espanha

Quais são as caracteristicas de uma Sociedad Anónima (SA.)?

Estrutura padrão para grandes empresas

O capital social mínimo é de € 6010121,, sendo que quando menos 25% deve ser pago na abertura da empresa
Número mínimo de acionistas : um
É exigido monitoramento anual, dependendo do tamanho da empresa.

Quais são as caracteristicas de uma Sociedad Limitada (SL.)?

Formato habitual para pequenas e médias empresas
O capital social mínimo é de € 300506, pago na abertura da empresa
Número mínimo de acionistas: um

Quais são os outros tipos de empresas existentes na Espanha?

Os outros formatos de empresa existentes são:

Único negociante – um proprietário com responsabilidade ilimitada
Propriedade conjunta: 2 ou mas proprietários, com responsabilidade ilimitada
Parcerias gerais ou limitadas
Agência ou escritório de representação

É dificil abrir uma empresa na Espanha?

A Espanha possui uma merecida reputação de ineficiência burocrática e, embora isso tenha melhorado, pois clima de negócios está mais liberal, recomendamos fortemente que o empresário interessado em criar companhia na Espanha busque aconselhamento profissional antes de iniciar seus negócios na Espanha, sem contar que atraves disso você consegue morar nos eua também!

Como é a mão-de-obra na Espanha?

Como o desemprego continua relativamente elevado, recrutar profissionais e funcionários na Espanha é fácil, os custos são baixos e há agências de leva em todo o país.

Como é a legislação e a regulamentação?

Em consonância com a prática padrão da UE, empresas são obrigadas a registrar e apresentar contas anuais às entidades reguladoras. Auditorias anuais são obrigatórias para as grandes empresas. Há poucos controles sobre os investimentos estrangeiros. O mercado de trabalho, está sujeito a uma regulamentação mais rígida. O máximo de trabalho de 40 horas e as corporações sao obrigadas a oferecer seis semanas de licença anual para seus empregados.

Existem incentivos financeiros para estrangeiros que desejam penetrar empresa na Espanha?

A Espanha oferece uma ampla série de incentivos, vários deles financiados pela UE. Estes incluem incentivos regionais para investimento em zonas menos desenvolvidas do país, medidas para incentivar o investimento em setores específicos e incentivos fiscais destinados a reduzir o desemprego entre os jovens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *